Interpass - Malamén - México

Sempre que um restaurante se distingue pela sua cozinha e pela estética do seu espaço, desperta a curiosidade. Mas se a esta receita lhe juntarmos um ingrediente único, então, visitá-lo torna-se obrigatório – é o caso do Malamén, na Cidade do México.

Interpass - Malamén - México

Foi no bairro de Polanco que os donos do Malamén decidiram contar ao mundo a história de uma mulher e da sua paixão pela cozinha e pelos sabores da mesa e da vida.

Interpass - Malamén - México

Tudo começou quando Marco Colin, designer gráfico e ilustrador, descobriu no sótão de uma casa um caderno muito velho que lhe prendeu a atenção de imediato: cheio de receitas e anotações, com fotografias e relatos de viagens, tudo escrito pela mão de Malamén, uma mulher que terá vivido no bairro Colonia Roma e que terá viajado por várias partes do mundo, sempre acompanhada pelos seus amores e pelo sonho de ter um restaurante. Quase um século depois, Colin sente-se contagiado pela paixão de Malamén e partilha a ideia com Ricardo Casas e Andres Ocejo, dois designers de interiores.

Interpass - Malamén - México

Assim nasceu este restaurante de dois pisos, tão cheio de personalidade que em 2014 foi nomeado para o Restaurants & Design Awards. De estética retro moderna, a decoração privilegia os tons brancos para fazer sobressair a paixão pela cozinha e pelos prazeres da mesa. Nas paredes, fotografias antigas convivem com as  ilustrações de Marco Colin, fundindo-se passado com contemporaneidade e criando-se uma atmosfera agradável onde apetece estar.

Interpass - Malamén - México

As receitas e os segredos do antigo caderno foram adaptadas para um menu simples cujo o propósito é dar prazer, seja numa refeição ligeira ou num jantar entre amigos. A base da cozinha do Malamén é a gastronomia italiana com as nuances regionais que os produtos locais conferem a cada prato. A oferta faz-se entre saladas, entradas e sopas, pastas e pizzas, carne e peixe do dia e sobremesas. Das entradas, sugere-se as almôndegas com molho de tomate e queijo servidas com pão rústico e a tábua de queijos Oaxaca com pão artesanal, azeitonas, pimentos grelhados e batatas em escabeche.

Prove a pizza de figo e queijo ou a de salsicha e uvas com queijo cabra e mel de agave. Obrigatório é o hambúrguer Malamén e para sobremesa peça o tiramisu de Bailey’s ou o brownie de Ferrero Rocher com gelado de baunilha.

Para quem viajar até à Cidade do México, este é um dos restaurantes a incluir no roteiro. Deixe-se seduzir pela história de Malamén e planeie connosco a sua viagem até à capital deste país.

Imagens © Direitos Reservados