Interpass - Uma viagem à Tunísia

De braços abertos para o Mediterrâneo, este pequeno país do Norte de África reserva aos seus visitantes uma diversidade ambiental que o torna um destino bem apetecível. A geografia favorece esta variedade de ambientes, uns influenciados pelas brisas marítimas e outros pelos ventos quentes do Sara. Encantos múltiplos para desvendar numa viagem à Tunísia.

Interpass - Uma viagem à Tunísia

A geografia e o clima

Localizada na região do Magrebe, a Tunísia compõe de território insular e de terras continentais, sendo que 40% destas são ocupadas pelo deserto do Sara. É um país onde se encontra um leque de paisagens diferentes: costa com praia, dunas e montanhas pertencentes à Cordilheira do Atlas. A tal corresponde de igual forma uma variedade de climas que oscila entre as atmosferas amenas, o clima seco e temperaturas mais baixas, podendo ocorrer neve na zona do Atlas.

Interpass - Uma viagem à Tunísia

O que vale a pena visitar

Pela variedade de paisagens e devido à presença de povos como cartagineses, romanos, otomanos e franceses, a Tunísia é um país com um leque generoso de locais para visitar, desde os ambientes naturais aos sítios arqueológicos e monumentos históricos. Para quem não dispensa as férias na praia, então, tem mesmo de ir a Hammamet e Tabark, duas vilas famosas pela beleza das praias, e não pode mesmo deixar de pisar as areias de Sidi Ali el-Mekki, eleita como a praia mais bonita do país. Já os amantes de cultura poderão apreciar o artesanato da região que se encontra à venda nas inúmeras lojas do comércio local e conhecer algum do legado histórico classificado de Património Mundial pela UNESCO como o anfiteatro de El-Jem, as medinas de Tunes e de Sousse, os sítios arqueológicos de Cartago e de Kerkuane e respetiva necrópole, entre outros. E para aqueles que preferem o contacto com a natureza recomenda-se o deserto do Sara e as planícies salgadas de Chott el-Jerid.

Interpass - Uma viagem à Tunísia

As tradições, cultura e gastronomia

Os sabores e as texturas da gastronomia tunisina são o resultado da miscelânea dos costumes dos diferentes povos que habitaram o país, tenham sido eles gregos, romanos, egípcios, berberes, árabes, persas ou europeus. Na confeção dos pratos tradicionais os ingredientes mais comuns são os legumes, os frutos secos, o peixe, a carne de ovelha, de boi e de frango. As saladas são muito apreciadas, sendo consumidas antes do prato principal, assim como o pão com harissa, um molho feito com pimenta vermelha e ervas). Experimente a sopa de peixe chamada de chorba e a lablabi, a de grão de bico. Prove ainda a meloukia com carne de borrego, as tajines confecionadas como uma tortilha, e nos doces delicie-se com as baklawa e os makrouhd.

Interpass - Uma viagem à Tunísia

A Tunísia não se esgote nestas linhas e tem muito para visitar. Venha traçar connosco a sua viagem a este país.

Interpass - Uma viagem à Tunísia

Imagens © Direitos Reservados